Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Cantinho da Dina

Parar é morrer e eu não quero morrer já, por isso não posso parar... tenho de bricolar!!!!

O Cantinho da Dina

Parar é morrer e eu não quero morrer já, por isso não posso parar... tenho de bricolar!!!!

O meu pai...

por Ideias Pintadas, em 23.03.12

Pois é!

Hoje vou falar de um grande homem. Um grande pai. O meu!!!!

 

 

Tem 93 anos, está muito velhinho.

Já foi um homem muito activo, muito senhor do seu nariz. Viuvo muito cedo com catorze filhos ao seu encargo, teve de fazer muita ginastica, usar muita imaginação, para que nunca faltasse o pão e a sopa na mesa. Passou muito e muitas vezes foi mal percebido nos seus actos, que só tinham um objectivo, ajudar algum dos filhos, que estava mal. Quando começou a ficar "proibido" de fazer muitas coisas, que habitualmete era de seu "pelouro" fazer, ficou dificil de aturar, mas com o passar dos tempos, e muita ou pouca "paciencia", ficou mais calmo, e a unica coisa que pede é atenção, é mimo, é amor. Uma coisa que tem direito, porque todos nós exigimos isso desde que nascemos, e porque quem toda a vida lutou pelos filhos, tem mais direito. Mas infelizmente isso não acontece. Com o passar dos tempos, o que tinha ficado estipulado, quando lhe foi atribuido o estatuto de INCAPAZ, seria o de passar um fim de semana em casa de cada filho. Não está a acontecer. É pena. Agora que ele não dá trabalho nenhum. Como pela mão dele, dorme toda a noite, não se suja, só temos de lhe dar banho, ajudá-lo a vestir e limpá-lo na casa de banho. Isso é muito? Acho que não. Tenho pena de sermos tão poucos em 14 filhos. Sim porque este senhor, que é meu pai, tem 14 filhos. E só quer um pouquinho de atenção.

 

 

 

 

 

 A tomar o seu descafenado.....

A tomar o seu cafezinho....

 

 

 

 

 
A dar o seu passeio, na minha casa pequena... 
 
 E agora o que prometi à D. Cristina... o meu pai a ler o Jornal. E leu-o todo, depois de dizer que já não conseguia. Ele que não dispensava os jornais, as revistas e o telejornal. Ele que discutia tudo, guardava os recortes dos jornais... sabia tudo e fazia quase tudo.

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D